245607_galeria_sporting_v_benfica_primeira_liga_j20_2014_15.jpg

Sporting – Benfica

por 9 de Fevereiro de 2015Os textos do Damas0 Comentários

O jogo de ontem teve o condão de esclarecer e contradizer os comentadores que afirmavam que o Sporting não tinha equipa para lutar pelo título com Porto e Benfica.

O Sporting tem equipa igual ou superior.

Não falamos dos valores dos passes dos jogadores ou dos salários que auferem. Podem pagar 10 milhões de euros a um grego ou espanhol para o meio campo e dar-lhe um salário que daria para pagar a todo o trio português com que ele disputou a bola no mesmo espaço de jogo ontem à noite. Dizer que ele é melhor que qualquer um deles, é outro assunto. E isso serve em todos os sectores do campo

O Benfica teve muita sorte. Dizem que teve fora de jogo também.

O Jesus lançou a cartilha “fomos inteligentes” que muitos do rebanho vão repetir nos locais de trabalho. Só que a realidade não é essa. É outra.

O Benfica foi a Alvalade jogar encolhido. O Famalicão teve mais tomates. E foram presenteados com um pontinho por isso. Não houve “inteligência” nenhuma. Houve cuecas borradas, a sorte do jogo, e possivelmente, um golo irregular.

Um rapaz qualquer do Benfica cujo nome não fixei, provavelmente porque também não se deu por ele no campo, disse nos dias anteriores ao derby que o real rival é o Porto. Não foi o que se viu ontem… Viu-se adeptos a festejar como se tivessem ganho a Champions por ter empatado no último minuto contra o Sporting Clube de Portugal.

Hoje, em cada local de trabalho, ou nos cafés, há adeptos que se envergonham do empate e orgulham do futebol que viram na sua equipa, e outros que se envergonham do futebol e se orgulham do empate.

Agora, segue o campeonato. Este Benfica vai perder pontos, porque é fraco. Desde os tempos do Boavista campeão, que não via uma equipa apresentar tão pouco futebol em primeiro.

Portanto, a não ser que a APAF volte a resolver, este Benfica vai resvalar. Resta saber se é o Porto a aproveitar, ou o Sporting.

Para finalizar, digo apenas que tenho pena de não voltar a jogar com o Benfica nesta época, fosse na Luz, em Alvalade ou em campo neutro.