sl

A Hora (e meia) Da Verdade

por 5 de Fevereiro de 2015Os textos do Damas0 Comentários

Pois é… Quando muitos pensavam que o Marquês de Pombal já estava reservado e que os gajos do colinho já tinham o título no papo, eis que surge a turma de Alvalade (aquela que já estava, na boca de muito boa gente, afastada da luta pelo título) com a forte possibilidade de lixar as contas à lampionagem e de se lançar também ela na discussão pelo primeiro lugar do pódio.

É um orgulho e uma felicidade imensa poder ver isto acontecer. Uma equipa maioritariamente composta por miúdos da sua formação, sem os recursos financeiros dos outros, com uma alma e coração imensos e capaz de se superar perante os desafios mais exigentes.

Tem sido fantástica a caminhada desta juventude ambiciosa. Existiram contratempos durante o nosso percurso, normais e aceitáveis para uma equipa recheada de jogadores que ainda lutam pelo expoente máximo da sua maturidade e desenvolvimento técnico e táctico, contudo, o balanço é bastante positivo. É suficientemente convincente para que todos acreditemos num triunfo no próximo domingo. Eu acredito. E acredito porque esta malta faz-me acreditar.

Tanto nas competições internas como nas competições europeias, esta equipa mostrou estar à altura dos mais diversos desafios, sendo capaz de grandiosas exibições. Fizemo-lo na Luz, no Dragão, em Gelsenkirchen, em Braga… Em Alvalade batemo-nos com dignidade frente ao todo poderoso Chelsea e derrotámos as salsichas gaseificadas de forma épica. Contra factos não há argumentos. Este Sporting é forte, está a fazer uma época muito positiva e tem ainda a possibilidade de escrever uma das mais bonitas páginas da nossa história. Temos tido o estofo que nos tem faltado em outras ocasiões e, na hora da verdade, no momento de mostrarem o seu real valor, estes meninos têm-se batido como Homens, dignos de vestir o manto sagrado e de defender as cores que fazem bater os corações de milhões de sportinguistas.

A próxima hora e meia de futebol em Alvalade, não sendo decisiva, vai ser muito importante para definir o que ainda resta de campeonato. O grande clássico de Portugal, que também é dérbi e que por si só carrega um peso enorme de história nas suas costas, pode muito bem vir a ser um dos jogos mais importantes desta época. Depois de termos estado a 10 pontos do primeiro lugar, dependemos apenas de nós para encurtar essa diferença para 4 pontos e reavivar, com a almejada vitória, a chama intensa da esperança em todos os corações verdes e brancos.

Alvalade vai encher. Os números não enganam. A corrida aos bilhetes foi alucinante e espelha toda a vontade e esperança de ver esta equipa triunfar. A nossa gente acredita. A nossa gente quer saltar e festejar, bater palmas e cantar até que a voz fique rouca. Contra os lampiões marchar, marchar! É hora de afiar as garras. É hora do leão mostrar toda a sua raça e devorar, sem dó nem piedade, todos aqueles que se atravessarem no seu caminho. É hora de rumar em direção ao título.

Souuuuuuuuuuuuuuuuuuu

Sou verde e branco

Sou verde e branco de coração

Sporting meu grande amor

Graças a deus não nasci lampiãooooooooooo