Nova Imagem de Mapa de Bits

O ouro sob(re) o azul!

por 22 de Outubro de 2014À saída do estádio, O Sporting lá fora, Os textos do Damas0 Comentários

Polícia? Queria participar um roubo… de 500 mil euros.
Meio milhão de euros que se evaporaram com um erro (espero que deliberado porque, se foi sem querer, o nabiça do árbitro de linha mais valia nem ter surgido de uma queca mal dada pelos pais) que pode bem custar um apuramento à custa de UEFA-Merdices… mais uma vez.

Desde já deixo o aviso que, se algum leitor for do Shalke, tiver sensibilidade de conteúdo ou até que tenha tido algum felácio com o Platini que não leia este texto pois este desabafo de sócio/adepto/sportinguista é bem capaz de ser a merda mais nervosa que já presenciou.

Vi bem a cara dos jogadores. Como saíram revoltados assim como Marco Silva puxado por Bruno de Carvalho para não dizer mais verdades que o possam sancionar por não ser politicamente correcto. Sim, Bruno de Carvalho que não mede simpatias quando se trata de falar dos erros, foi puxar o treinador dos leões, que até é uma pessoa calma (fora os festejos da nossa glória) para que um castigo não viesse calar uma injustiça de resultado que tem tanto de escandaloso como de cómico pela ocorrência dos factos. E como o Jonathan Silva não o pode dizer de forma oficial eu digo:
O filho de uma grande puta do juiz de linha, que apenas tem de relatar o que vê, imaginou que a trajectória da bola vinda da cara do lateral leonino possa ter vindo de um braço e, em 2 ou 3 segundos de pausa no jogo, descobriu a forma de não ser enxovalhado pela dúvida de milhares de alemães, em prol de ter que sair do estádio bem visto pela Liga dos Campeões, os grandes barões da Europa e claro, a GAZPROM, patrocinadora da equipa local e da própria competição.

Michel Platini, que tanto queres cartões brancos para suspender por 10 minutos jogadores que refilem das decisões dos juízes (dizes tu que já são uma praga), porque não tentares primeiro uma forma de se confiar nos homens do apito? Tenho uma dica, mandas imprimir 2 toneladas de papel nesse mesmo cartão e enfias tudo na tua aureola rectal para veres o impacto que isso te traz. Assim, se queres uma modernice diferente no futebol sem olhar aos problemas primários, o teu olho do cu agradece por uma ideia inovadora sem jeito nenhum.

Vi o jogo do Sporting e lá teria que me acomodar àquele 3-1 não fosse aquela recuperação fantástica mas perder 4 a 3 por causa de uma situação de shit happens à custa de uma nódoa que fica para a história de toda a Champions League, é coisa que vai perdurar para sempre tatuada no meu coração.
O próximo jogo em Alvalade vai trazer esta memória à cabeça dos milhares de adeptos. Quero estar lá para enforcar a imagem de proteger os maiores, quem sabe com as caras dos culpados de hoje!
Estás a ver a bela merda que fizeste UEFA? Acabaste de internacionalizar o Movimento Basta!

E se o amarelo e o vermelho não bastarem, arranja também cartões com vales de compras para os juízes de linha, um cheque dentista para o Suarez e um cartão de crédito para os fundos de investimento dos passes dos jogadores...
Porque hoje em dia não interessa o futebol mas sim quem quer dele fazer uma coisa conveniente.

O conveniente, esse, viu-se ao minuto 93 em Gelsenkirchen!