tanak

Tanaka, o calcanhar de Achilles (29)!

por 24 de Julho de 2014À saída do estádio, O Sporting lá fora, Os textos do Damas0 Comentários

Não será descabido dizer que ontem tivemos um modesto adversário pela frente, o Achilles 29 foi o último classificado da segunda divisão holandesa na época transata e logo por aí seria de esperar um resultado avolumado. E Assim foi.

Nos dois primeiros golos que marcámos, deu até uma sensação de época natalícia tais foram as “prendas” oferecidas, primeiro do guarda-redes no golo do Tobias Figueiredo e depois do defesa que pareceu ter ficado atrapalhado com a bola nos pés devido à próximidade de João Mário. Shikabala entrou nas contas do onze inicial apresentado por Marco Silva e entrou forte e determinado. O lado esquerdo do nosso ataque foi sempre o mais perigoso na primeira parte. Mais uma vez o egípcio deixou boas indicações e mostrou estar decidido a conquistar um lugar ao sol no plantel leonino. Foi uma equipa despida de habituais titulares, apenas Jefferson e Mané faziam parte desse grupo. O treinador leonino aproveitou para colocar em campo as caras novas e desta forma tirar mais alguns apontamentos. Fez bem o mister, pois este era o jogo ideal para experiências mais arriscadas e de dar oportunidade aos menos utilizados.
Depois do segundo golo adormecemos e como normalmente acontece nestas situações, consentimos um golo ao adversário. Foi sem duvida o sector que mais dificuldades demonstrou durante o jogo, tanto no momento de defender como no momento de construir jogo a partir de trás. O central Paulo Oliveira terá sentido em demasia o peso da camisola e isso terá provocado algum desconforto no ex-vitória de Guimarães. Esperemos que, de jogo para jogo, fique mais seguro de si próprio para que possa ser uma opção válida no futuro. Sentimos demasiado, penso eu, a falta de um William ou um Rosell naquele meio campo, Wallison esteve sempre muito distante do jogo e naquela zona do terreno estamos habituados a presenças bem mais fortes. Por falar em William, já tenho saudades de te ver em campo rapaz! Espero "matar saudades" ainda durante a estadia nos Países Baixos.

Confesso que estava ansioso pela entrada de Gauld em jogo, penso que é um sentimento geral na comunidade sportinguista, são grandes as expectativas em volta do puto maravilha e das primeiras vezes que tocou na bola, pumba... uma assistência para golo. Rápido, eficaz. e nada envergonhado o jovem escocês, nada mesmo! Quem não teve espaço no saco para mais nada foi Tanaka com os 3 golos que levou do jogo. Revela ser um jogador interessante este Japonês. Bastante móvel na frente do ataque, prefere muitas vezes assistir do que rematar mas ao mesmo tempo revela frieza e sentido de oportunidade para finalizar algumas jogadas. Gostei bastante do que vi. Apesar de o adversário ter sido bastante “mole” defensivamente, Tsubasa revela polivalência como atacante e acredito que possa vir a ser muito útil para a equipa.

Venha o próximo adversário! Até agora tudo tranquilo, está a ser “cada tiro cada melro” nesta pré-temporada.

Sporting, tu vais vencer!