sptv

Sócio, concentradíssimo!

por 11 de Julho de 2014Os textos do Damas0 Comentários

Bem, depois de partilhar inúmeros orgasmos em textos anteriores acerca do arranque da Sporting TV vou agora ter de utilizar a gíria futebolística predominante nesta altura de Mundial Brazuca para dizer: “Cadê essa porra?!” O tal arranque que supostamente teria de acontecer no início deste mês está pendente da “ainda não decisão” da ERC (Entidade Reguladora da Comunicação Social) em dar o parecer para que o pedido da Sporting Comunicação e Plataformas SA siga em frente.

Das duas uma: Ou há falha na comunicação do Sporting Clube de Portugal para com os seus adeptos e simpatizantes em relação a este assunto ou então factores incontroláveis estão a empecilhar o projecto visto que se tiver a ver com leis, pareceres ou até alvarás, o pobre do adepto apenas tem de esperar que os meios legais fiquem em sintonia com a nossa vontade de ser felizes. De qualquer forma existe todo um cenário na nossa cabeça que foi criado e, ao ficar limitado, não deveríamos ser nós (eternos gritantes do nome Sporting) a deliberadamente encontrar respostas a partir de fontes inseguras. Essas fontes, claro, são oriundas de todo o comunicado não oficial do mundo Sporting, tipo alguns Media mais interessados em espalhar o caos.

Entre os “ses” partilhados no mundo da internet já se fala que há uma luzinha para segunda-feira, dia 14, dando oportunidade para que assim se comecem as transmissões no dia 19 de Julho o que poderia coincidir com a Taça de Honra. Se assim for é magnífico pois podemos juntar o útil ao agradável mas tento procurar por informações 100% fiáveis e Agosto também é hipótese. Lá vou ter que me acomodar com tal situação, seja ela qual for, pensando que é preferível um projecto consolidado com data incerta do que um dia definido e uma transmissão aos soluços. Há que tirar o ponto positivo da coisa.

Como afiliados da transparência também os adeptos continuam à espera de mais informação acerca da auditoria de contas feitas ao clube pois continuam-se a aguardar os primeiros resultados, ainda sem motivo para a demora já que o principal objectivo não será o de ver cabeças rolar mas sim tentar descobrir eventuais passos menos assertivos que se tenham tomado no passado para que não voltem a surgir nem no presente, nem no futuro, que contamos que seja promissor. Assim, podemos até aproveitar este balanço de “exigência natural” para pedirmos mais informações acerca do Pavilhão pois um projecto detalhadamente explicado de cima a baixo também cairia bem no seio sportinguista.

No fundo o que se quer daqui é não ficar às escuras sem saber se o lixo é varrido para debaixo do tapete em vez de uma exposição completa para com o suporte do clube, estes fanáticos adeptos. Podemos nem estar sempre de acordo em relação a casos dos “ovos”, em informação incompleta dada pelos membros da direcção ou até na cor dos calções mas falamos sobre isso para o bem comum, por um Sporting Clube de Portugal ainda melhor e porque nem mesmo quando as coisas estão a ficar super melhores deixamos de ser exigentes com a nossa cor.

Tiro já o cavalinho da chuva a quem pensa que isto é um puxão de orelhas. Consideremos antes este desabafo como um “booster” ao imenso trabalho que foi feito. E continuarei a fazer uma vénia a esta direcção por nos ter devolvido o nosso clube, pena por não ter sido mais cedo mas grato por ter sido numa altura bastante necessária. E porque o Sporting Clube de Portugal é nosso, trabalharemos todos para o sucesso que, já como diz o ditado, apenas surge antes do trabalho… no dicionário.

Queremos ver as modalidades no nosso canal, queremos comentários que não menosprezem a grandeza do nosso clube, queremos saber notícias em tempo real, queremos entrevistas com o pessoal da casa e queremos reportagens sobre a casa. Queremos um pavilhão só nosso para que possamos construir mais sucesso dentro das nossas paredes e vamos fazer com que os adversários tenham medo de jogar contra nós porque são consumidos pelo ambiente abrasivo a tudo o que seja fora do mundo do Sporting. Somos a maior potência desportiva nacional e o caminho traçado fará com que não sejamos os únicos a dizer isso. Irão os adversários ter no pensamento que grande mesmo… é o reino do Leão!

 

Verde, logo existo!