now

Acreditem, rapazes!

por 28 de Setembro de 2013Hoje é dia de Sporting0 Comentários

Da época passada poucos são os momentos que recordamos com satisfação, mas um deles ocorreu no estádio AXA, onde o Sporting conseguiu obter uma excelente vitória. Num jogo em que não éramos considerados favoritos, percebe-se muito bem porquê, os leões arrancaram a ferros uma grande vitória, na qual Ricky V. Wolfswinkel apareceu em especial destaque ao apontar um hat-trick. Uma importante vitória do professor Jesualdo que ainda chegou a despertar no seio da família leonina a esperança de um apuramento para a Europa. Esperança essa que poucas jornadas depois caiu por água abaixo. Mas como águas passadas não movem moinhos, vamos ao que realmente interessa. Mais logo na pedreira, os leões de Leonardo Jardim defrontam os arsenalistas do Professor Jesualdo Ferreira. E é precisamente neste confronto que o Sporting pode tirar partido. Como se tem visto, esta equipa de Jesualdo Ferreira joga mais com atitude do que com qualidade, utiliza mais o suor do que a técnica e muitas vezes joga mais com outros elementos do que com as regras do futebol… O Sporting tem que se preparar e sobretudo mentalizar que é provável que mais logo sejam 14 contra 11.  Este jogo relativo à sexta jornada será apitado por um indivíduo que em tempos se recusava a apitar o Sporting.

O treinador leonino, afirma que o Sporting vai disputar o jogo no intuito de o ganhar, como o faz em qualquer campo que entre. Contudo é preciso muito mais, repito, muito mais do que aquilo que apresentaram em Alvalade frente ao Rio-Ave.  A equipa não pode jogar tão amorfa, não pode deixar de empregar os níveis de garra e atitude que apresentou nas primeiras jornadas. E para vencer em Braga, vamos precisar dos níveis anímicos e futebolísticos, bem elevados.

Já todos conseguimos perceber que apesar da juventude existe muito talento no plantel leonino, mas é preciso sempre mais… É preciso em todos os 90 minutos, de semana a semana, defender o símbolo que ostentam ao peito. É preciso garra, atitude e vontade que por inerência fará sobressair as qualidades individuais e colectivas da turma de verde e branco.

Hoje em Braga, os adeptos verde e brancos terão um papel muito importante. Terão que puxar dos galões – tal e qual como o ano passado -, cerrar os punhos, encher o peito e ir para a luta com determinação e espírito conquistador. Espero que hoje, os leões do norte, empurrem a equipa, incentivem o Sporting, que os apoiem como se estivéssemos a jogar em nossa casa e que no fim saboreiem a nossa vitória.

Acredito e acredito mesmo que daqui a umas horas, entrarão onze leões em campo, com vontade de conquistar mais três pontos. Onze leões que de unhas cravadas na relva e a rugir bem alto, estarão prontos para vencer um clube que de grande só tem o primeiro nome.

O onze d´As Redes do Damas: guarda-redes: Rui Patrício; defesas: Cédric, Mauricio, Dier e Jeffreson; no Meio-Campo: W. Carvalho, Adrien, Vitor e André Martins; na frente: W. Eduardo e Fredy Montero.