labyad

Palavras e dinheiro

por 18 de Junho de 2013Os textos do Damas0 Comentários

«O que posso dizer aos adeptos? A única coisa que lhes posso dizer é que vou ficar no Sporting. Ninguém me vai tirar daqui!»



Não é a primeira vez que Laybad manifesta uma vontade extrema em continuar a vestir de verde e branco, mas também é do conhecimento público que o jogador leonino aufere um salário que não se encaixa nesta politica de contenção. Mais, segundo a mensagem que o seu empresário fez passar através da comunicação social, o jogador não aceita baixar o salário. 

Bruno de Carvalho tem aqui uma situação delicada para resolver… 

Por um lado, a época não correu de feição ao número 20 leonino. Rotulado de jovem estrela e com uma cláusula de rescisão de 50 milhões, a grande promessa que deixou o PSV não se conseguiu impor em Alvalade. Sem nada que o justificasse, assinou pelo Sporting um contrato com valores pornográficos ( 2 milhões por época!). Incluído no pacote de estrangeiros que rumaram a Alvalade, até ao momento, Labyad não passou de um erro de casting

Por outro, é certo - e estou consciente disso - que Labyad, tal como Carrillo, é o tipo de jogador que pode render muito mais em termos desportivos. A espaços, o internacional marroquino libertou algum do seu talento e deixou no ar a sensação que realmente pode estar aqui um craque com muito potencial. Porém, a desastrosa época foi certamente um entrave para o jogador colocar em campo a sua qualidade e o seu real valor.

A solução terá de passar obrigatoriamente pela redução do seu vencimento. Só assim é que Labyad conseguirá provar que as suas palavras são verdadeiras e que o dinheiro não fala mais alto. Caso contrario, será colocado, e bem, no lote de dispensas "obrigatórias". 


Sporting Sempre.