Post-eo

Uma opinião diferente

por 3 de Dezembro de 2012Os textos do Damas0 Comentários

Mais um fim-de-semana sem a Equipa A e mais um fim-de-semana com um Sporting vencedor.

No andebol, o Sporting deslocou-se aos Açores e venceu o Sporting da Horta. A equipa verde e branca venceu por 20-25 e assume assim o terceiro lugar no campeonato nacional. 


No futsal, o Sporting voltou a ganhar, desta vez frente aos Leões de Porto Salvo, por 6-0. O primeiro classificado do campeonato não está forte, está muito forte. Esta equipa treinada por Nuno Dias parece ser um caso sério no futsal português. A simplicidade de jogo do Sporting faz parecer, aos amantes da modalidade, que “aquilo” que os nossos jogadores fazem dentro do campo é fácil de se fazer e que está ao alcance de qualquer um. A velocidade e rapidez de processos com que joga esta equipa é realmente notável. Os Sportinguistas estão maravilhados com a qualidade dos jogadores leoninos, estão ao lado da equipa de futsal do Sporting Clube de Portugal e a prova disso foram os mais de 1200 adeptos que se dirigiram ao pavilhão de Odivelas, às 11:30h de Domingo. 


E, por falar em pavilhão, sei – por quem foi a Odivelas – que as obras ainda não começaram. A 3 de Agosto foi dito, em Assembleia Geral, que as obras começariam no máximo em 3 meses e, até hoje, nada. Um pavilhão que nunca será construído e a que se deu um “nome” só para freguês ver. O Sporting não pode fazer nada em Odivelas porque não tem dinheiro. O profissionalismo das equipas de outras modalidades do Sporting vai disfarçando as mentiras e as falsas promessas do Presidente.
No futebol, e começando pelos juniores, depois de um resultado negativo e pesado na passada quarta-feira para a “NextGen”, a equipa venceu o Sacavenense por 2-0, na 15.ª jornada do Campeonato Nacional. A equipa B, apesar do empate em casa frente ao Feirense, a dois golos, segue no topo da tabela classificativa. 
No que toca à equipa “A”, parece que hoje foram aprender um pouco de história. Os jogadores visitaram o museu e observaram de perto uma realidade e uma grandeza da qual ainda não são dignos. Esperamos, aqui n ´As Redes do Damas, que a visita destes homens, que contribuíram para o pior arranque de sempre do clube, tenha o condão de os fazer perceber que o Sporting merece mais respeito. 
Plantel do Sporting visitou o Museu. Jeffrén publicou a foto no Twitter.
Quinta-feira, o Sporting irá realizar o último jogo das competições europeias esta época – por culpa própria – frente ao Videoton. Será um jogo para cumprir calendário, mas será um jogo em que o Sporting terá de vencer por todas e mais algumas razões. O Sporting precisa de vitórias como de pão para a boca e os jogadores precisam de aumentar os índices de confiança. O Sporting precisa de se vingar da humilhação na Hungria, o Rui Patrício, o Capel, eu, tu, os adeptos, todos precisamos de ganhar. 
Precisamos de uma vitória que dê um élan positivo a esta frágil equipa e precisamos de moral para o próximo encontro que teremos para o campeonato. Segunda-feira, o Sporting vai encontrar um adversário forte, que nos vai obrigar a jogar num ritmo muito mais elevado e com muito mais qualidade do que até ao momento. Ganhar este jogo não salva, de maneira nenhuma, uma época, como diz o pior “paineleiro” Sportinguista dos programas televisivos. O Sporting precisa de ganhar, não por ser contra o “Benfica”, mas sim porque precisa de ganhar, porque tem um objectivo mínimo a cumprir e porque, caso contrário, corre sérios riscos de ruína.
O que disse R.O.C é de uma atrocidade indecifrável. Claro que foi mais uma oportunidade para que a sobranceria estapafúrdia dos adeptos desse clube viesse ao de cima, mas esta não é a nossa opinião. Como Sportinguistas não sentimos nenhum prazer especial por ganhar a este clube. Como Sportinguista queremos tanto ganhar ao Rio Ave como ao Benfica, para mim são iguais. Não é num tom depreciativo, mas sim sincero, é só uma opinião diferente. 
Para os elementos do blog, se esse clube perde ou ganha, não se fica nem feliz nem triste. Não se dá essa importância nem se entra nessas guerrilhas, temos uma opinião diferente. Reconhecemos que é um jogo com tradição e história, mas, como adeptos do melhor clube de Portugal, ganhar dia 10 de Dezembro não será nada que não tenha acontecido antes. Não nos preocupamos com eternos segundos e não compactuamos com as manias de perseguição. 
Para concluir, parece que o Godinho convocou hoje um almoço de notáveis – não sei quem paga -, provavelmente para antecipar a entrevista de Bruno de Carvalho ao Dia Seguinte. Nesse jantar de notáveis, consta o nome de Abrantes Mendes, já conhecido como “Cambalhotas II” que, sem projecto e sem ideias nenhumas para o Sporting, conseguiu “roubar” uma percentagem de votos ao Bruno de Carvalho. Foi o único objectivo dele, assim como de Pedro Baltazar, pelo menos a julgar pela campanha “anti” que fizeram. 
Nesse almoço, também deve ser indicada a empresa que vai investir no Sporting. E, essa empresa é russa, o que é curioso, tendo em conta o que o Godinho disse de dinheiros russos durante a campanha: que não confiava e que não eram fundos credíveis. 
Este presidente, como se diz em bom português, é um bom troca-tintas. É um homem sem opinião e em nada diferente dos últimos cinco presidentes dos últimos 10 anos.