sportingsgfg

Todos juntos!

por 21 de Outubro de 2012Hoje é dia de Sporting0 Comentários

Não me desligo, não desisto e recuso-me a desistir; eis a explicação.
Rui Patrício, internacional A e capitão da equipa principal. Cédric, um miúdo com futuro, com alma, com ganas e com vontade. Boulahrouz, internacional Holandês, duro e impetuoso, com carisma e agressividade. Rojo, 22 anos, titular da selecção argentina, um talento bruto com um potencial tremendo. Insúa, um “cavalo”, mais um internacional da selecção argentina e mais um jogador à Sporting. Luta, corre, remata e grita. Tem garra, tem o que os adeptos gostam.
Este foi apenas um constatar do que pode valer a nossa defesa.

No meio-campo, vou contar mais uma história. Rinaudo, mais um internacional alviceleste. Um jogador que morde os calcanhares, que empurra a equipa para a frente. Um homem que galvaniza a equipa e os adeptos com a sua entrega, e que nos faz acreditar que tudo é possível. Elias, o profeta, um homem assíduo nas convocatórias canarinhas, o grande pulmão e alguém talhado para grandes jogos. Izmailov é sinónimo de talento, arte e engenho. Um número dez de qualidade. Com lesões, é verdade, mas que, no seu melhor, é sem duvida um fora de série.

Na frente, Capel, um jogador que galga no seu ritmo desenfreado e com a cabeça colada no chão. Por vezes,  dá um safanão no futebol da equipa, ganha a linha, cruza e luta. Sente e gosta do Sporting. Carrillo, um diamante bruto. Um jovem promissor, com um futebol virtuoso e com talentos únicos no que diz respeito ao que de melhor acontece no futebol mundial. Ricky, longe de ser dos melhores, ainda assim, um jogador jovem a quem eu reconheço que, com o tempo, poderá vir a ser uma opção muito mais rentável do que até aqui.

Depois, seguem-se, Gelson Fernandes, um gladiador. Transpira e luta. Corre, por vezes, num estilo atabalhoado, mas com uma entrega que devia servir de exemplo. Labyad e Jeffrén, dois jovens que têm tudo para tratar a bola por tu. Homens de rasgos e capacidades ainda não evidenciadas no Sporting. Pranjic, internacional croata. Um jogador experiente e habituado a grande palcos. Viola, bons pormenores, boas arrancadas e boas indicações de que pode vir a ser um trunfo para o incerto treinador leonino.

Temos uma grande equipa. Temos o melhor plantel desde Jardel/ João Pinto. Porque raio isto não funciona?

Hoje jogamos em Moreira de Cónegos. O Presidente vai estar presente, bem como toda a estrutura da S.A.D. Em Moreira de Cónegos, estarão representantes do Conselho Leonino. Em Moreira de Cónegos, estarão os Adeptos do Sporting, ou seja, hoje estaremos todos lá.

O Sporting é o nosso clube. É a nossa paixão.  É por este clube que se guiam os nossos dias. É por este clube que discutimos com os nossos amigos e familiares. É por este clube que corremos de norte a sul do País. É por vocês – jogadores – que apoiamos e lutamos como de uma questão de vida ou morte se tratasse. É por vocês…

Hoje estaremos todos juntos. Pensem em nós e pensem como nós. Sintam o Sporting e, por favor, sintam a nossa paixão.